Descrição

Os materiais dosimétricos, naturais e sintéticos, são utilizados para a determinação da dose de irradiação recebida no ambiente, bem como em atividades médicas e tecnológicas. Dosímetros sintéticos têm a vantagem da síntese controlada e dos altos níveis de reprodutibilidade. No entanto, dosímetros naturais encontram aplicação, por exemplo, em dosimetria retrospectiva e podem ser uma alternativa de menor custo aos sintéticos. Dentro desse contexto, o objetivo da pesquisa é investigar os efeitos da radiação ionizante e da luz UV em materiais naturais e sintéticos usando técnicas de luminescência, em especial Termoluminescência (TL) e Luminescência Opticamente Estimulada (OSL). O projeto prevê o estudo de minerais brasileiros e a síntese de detectores cerâmicos para aplicação em dosimetria das radiações. Além disso, neste trabalho, propõe-se o desenvolvimento e caracterizações de pastilhas do mineral misturado com polímero fluorado como uma proposta para detectores de radiação finos, flexíveis e resistentes. Além das caracterizações de TL e OSL, é proposta outras caracterizações como Radioluminescência (RL), Catodoluminescência (CL) e Fluorescência de Raios-X (FRX), assim como ensaios mecânicos nas pastilhas (polímeros e cerâmicas). Espera-se identificar os defeitos e investigar aplicabilidade dos materiais estudados em dosimetria e obter futuras patentes.

Inscrições para esta conferência estão fechadas.

Quando?